Notícias

Abertura de parques naturais é aposta da Embratur no Brasil

Atrativos como parques naturais reforçam o potencial global do Brasil como destino turístico

Presidente Vinicius Lummertz durante audiência sobe Parques Naturais na Câmara dos Deputados (Foto: Divulgação/Embratur)

Presidente Vinicius Lummertz durante audiência sobe Parques Naturais na Câmara dos Deputados (Foto: Divulgação/Embratur)

O presidente da Embratur, Vinicius Lummertz, voltou a defender a abertura de um maior número de parques naturais à visitação pública no Brasil como forma de movimentar de forma acelerada a cadeia do turismo. O presidente participou nesta quarta-feira (30) de audiência pública sobre o assunto na Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados e destacou que o modelo de concessões é o mais adequado à realidade brasileira.

Na ocasião, Lummertz lembrou ainda que recentemente esteve com o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, e ficou acertado que o Ministério iria retomar os processos de licitações para alguns dos principais parques do País. O Ministério do Turismo já havia lançado um projeto, o “Parques para o Planeta”, há três anos, visando a abertura de mais unidades para visitação, mas a ideia não prosperou.

Durante o debate na Câmara, o diretor de Criação de Manejo das Unidades de Conservação do Instituto Chico Mendes (ICMbio), Paulo Henrique Carneiro, anunciou que em janeiro serão abertas licitações para a concessão de três parques: o de Brasília, o da Chapada dos Veadeiros e o Pau Brasil, na Bahia. O presidente Lummertz apoiou a decisão do ICMbio, ligado ao ministério do Meio Ambiente.

“A partir dessa iniciativa voltaremos a seguir um rumo que já deveríamos estar trilhando. O Brasil tem um enorme potencial. São 76 parques nacionais e somente 18 abertos. Nos demais países que concorrem conosco na atração de turistas internacionais os números são muito fortes. Só os Estados Unidos recebem mais de 200 milhões de visitantes nos seus parques, enquanto nós não chegamos a sete milhões”, comentou o presidente da Embratur.

Além do presidente da Comissão, o deputado Herculano Passos, e Carneiro, participaram da audiência o vice-presidente da Aberta (Associação Brasileira de Ecoturismo e Turismo de Aventura), Luis del Vigno, e o coordenador de Investimentos da Secretaria de Infraestrutura do ministério do Turismo, Rodrigo Marques.

Publicidade
Click para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Topo