Notícias

Novas concessões de aeroportos no Brasil beneficiam turismo brasileiro

Aeroporto de Fortaleza. (Foto: Ministério do Esporte/ Portal da Copa)
Fonte: Min. do Turismo

Leilão de quatro aeroportos rende ao governo brasileiro R$ 3,7 bilhões e promete melhorar a infraestrutura de terminais aéreos no país

A concessão de mais quatro aeroportos brasileiros, em leilão realizado nesta quinta-feira (16), promoverá importantes mudanças e melhorias na infraestrutura dos terminais internacionais de Fortaleza (CE), Salvador (BA), Florianópolis (SC) e Porto Alegre (RS). E nesse processo quem sairá ganhando é o viajante. De acordo com Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem, do Ministério do Turismo, 57% dos brasileiros que deverão viajar nos próximos meses utilizarão o avião como meio de transporte, um aumento de 10% em relação ao ano passado.

As empresas vencedoras do leilão poderão investir, inclusive, na ampliação da capacidade de passageiros, como é o caso do aeroporto de Florianópolis que deverá ganhar um novo terminal com incremento de 70% na capacidade atual de 4,1 milhões de passageiros/ano. A medida vai ao encontro das ações que estão sendo defendidas pelo Ministério do Turismo junto ao Governo Federal para impulsionar o turismo no Brasil como a dispensa de vistos a países estratégico e a ampliação da conectividade aérea. Hoje, 60 milhões de brasileiros já consomem o turismo e a meta é fazer com que outros 40 milhões de brasileiros sejam incluídos no mercado de viagens nacional.

“O Turismo e, principalmente os milhões de passageiros que viajam anualmente pelo país – e aqueles que ainda desejam viajar -, serão os grandes beneficiados com essa mudança. As empresas que ganharam os leilões já têm experiência nos maiores aeroportos europeus e tem muito a acrescentar na melhoria de infraestrutura e serviços prestados. Esse é mais um passo no reconhecimento de que o turismo é um importante segmento econômico para o Brasil”, afirmou o ministro Marx Beltrão.

 

Aeroporto de Porto Alegre. (Foto: Ministério do Esporte/ Portal da Copa)

Aeroporto de Porto Alegre. (Foto: Ministério do Esporte/ Portal da Copa)

Concessões

A previsão é de que os contratos das concessões, no valor total de R$ 3,7 bilhões – 23% maior que o esperado -, sejam assinados em 28 de julho. Para a primeira etapa do contrato, o Brasil receberá R$ 1,46 bilhão, 94% acima do preço mínimo previsto incialmente, que era de R$ 753 milhões. O prazo para as empesas explorarem os serviços é de 30 anos em Fortaleza, Salvador e Florianópolis e 25 anos em Porto Alegre.

O leilão segue o exemplo do que já ocorreu com os aeroportos de Natal (RN), Guarulhos (SP), Confins (MG), Galeão (RJ), Brasília (DF) e Viracopos (SP). Com as novas concessões, o regime de gestão privada dos terminais vai passar a atender cerca de 59% da movimentação de passageiros nos aeroportos brasileiros, 12% deles somente nos quatro novos terminais.

Atualmente, os seis aeroportos brasileiros que já funcionam no regime de concessão representaram cerca de 47% dos embarques e desembarques em voos domésticos e internacionais no ano de 2016. Os novos grupos já administram 51 aeroportos pelo mundo, por onde transitam mais de 420 milhões de passageiros por ano.

Publicidade
Click para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Topo